Nossa Senhora do Carmo e as Almas do Purgatório

Sem TítuloMaria é para as almas do purgatório, a Mãe da Misericórdia. Ao ouvir-se, no purgatório, o Seu nome, as almas experimentam uma alegria ilimitada. Uma alma disse, no dia da Assunção, que, à hora da Sua morte, Morte, Maria rogara a Jesus a libertação de todas
as almas que se encontravam no purgatório; que Jesus ouvira esta oração de Sua Mãe e que, no dia da Assunção de Maria Virgem Mãe, estas almas tinham acompanhado Maria ao Céu, porque Ela fora então coroada como Mãe de Misericórdia e Mãe da Graça Divina. No purgatório, Maria distribui as graças segundo a divina vontade ; passa muitas vezes pelo purgatório,para dar consolo e alivio as almas, que pagam suas dividas por amor a Jesus. Que o precioso Sangue de Jesus e as Lágrimas de Nossa Senhora, caiam sobre o purgatório e purifiquem as almas que lá estão!

Como se pode ir em auxilio das almas do purgatório?
1- Sobretudo pelo Santo Sacrifício da Missa, que nada pode substituir, não há maior alivio que esse.
2- Por sofrimentos expiatórios; todo o sofrimento físico ou moral oferecido pelas almas, dá-lhes um grande alivio.
3- O Rosário é depois do Santo Sacrifício da Missa, o meio mais eficaz de ajudar as pobres almas. Pelo Rosário inúmeras almas são libertadas quotidianamente, que teriam devido, por outra forma, sofrer longos anos ainda.
4- A Via Sacra pode também dar-lhes um grande refrigério, mas também outras orações como as de Santa Brígida, são de grande eficácia para as almas do purgatório.
5- As indulgências são de um valor inestimável, dizem as almas. São um apropriar-se da santificação oferecida por Jesus Cristo a Deus, Seu Pai.
quem no decurso da sua vida terrestre, ganhar muitas indulgências pelos defuntos, receberá também mais que outros na sua última hora: a graça de ganhar inteiramente a indulgência plenária concedida a todos os cristãos a hora da morte. É uma crueldade não aproveitar destes tesouros da Igreja pelas almas dos defuntos.

No Catecismo da Igreja Católica,958 diz:
”A nossa oração por eles não só os ajuda, mas também pode tornar eficaz a sua intercessão em nosso favor”.

Há muita diferença entre o convívio, com as almas do purgatório e as praticas do espiritismo; não se deve chamar as almas ou invocar mortos , segundo a palavra de Deus , e alguns testemunhos de Santos e místicos da Igreja católica; Irmão Maria Simma;(Austriaca); Santa Gertrudes (Alemanha);Santo Cura d’Ars (França); São João Bosco (Itália); Santa Faustina (Polónia);Santa Teresa d’Ávila etc…Quando debruçamos nos ensinamentos desses Santos e doutores da Igreja Católica , verificamos que todos dizem o mesmo sobre o purgatório e a existência do inferno.

A mistíca Maria Simma nos diz que: ”Esta diferença é muito clara e devemos considerá-la com muita seriedade. Se tivessem que crer somente numa das coisa das que digo, gostaria que fosse isto: as pessoas que praticam o espiritismo (rodar mesas, ou outras práticas deste género) pensam que chamam as almas dos defuntos. Na realidade, se alguma reacção recebem do seu apelo, é sempre, e sem nenhuma excepção, Satanás e os seus anjos que respondem. Aqueles que praticam o espiritismo, fazem coisas muitíssimo perigosas( adivinhações, feitiçarias, …etc.) tanto para eles próprios, como para as pessoas que a eles se dirigem para pedir conselho. Eles estão completamente afundados na mentira”.

É formalmente proibido invocar os mortos.Colocaremos algumas referencias bíblicas e citações :

”Não se ache no meio de ti quem faça passar pelo fogo seu filho ou sua filha, nem quem se dê à adivinhação, à astrologia, aos agouros, ao feiticismo, à magia, ao espiritismo, ou a evocação dos mortos.
Porque o Senhor Teu Deus  abomina aqueles que se dão a essas praticas… E é por causa dessas abominações que o Senhor, Teu Deus, expulsa diante de ti essas nações.
Serás inteiramente do Senhor Teu Deus. As nações que vais despojar, ouvem os agoureiros e os adivinhos; A ti porém, o Senhor, teu Deus , não o permite”.(Deut.18,10-14)

”O Senhor disse a Moisés: ”Dirás a toda a assembleia de Israel o seguinte: Sede Santos, porque Eu, o Senhor Vosso Deus , Sou Santo.”(Lev.19,1)

”Não vos dirijais aos espíritas nem aos adivinhos: não os consulteis, para que não sejais contaminados por eles. Eu sou o Senhor, Vosso Deus”.(Lev.19,31)

Qualquer homem ou mulher que evocar os espíritos ou fizer adivinhações, será morto. Serão apedrejados, e levarão a sua culpa.”(Lev.20,27)

Outros textos que poderão ser consultados na Biblia:(II Reis23,4; Col. 2, 15-18; Ef. 6,12; Atos 19,19; II Reis 23, 24-25; Col. 2,8-10.

A Igreja diz-nos que: … que na morte o justo se encontra com Deus, que o chama a Si para o tornar participe da vida divina. Mas ninguém pode ser recebido na amizade e intimidade de Deus se antes não se purificou das consequências das suas culpas. ” A Igreja chama purgatório a esta purificação final dos eleitos, que é completamente distinta do castigo dos condenados”. Deste modo, as práticas observadas pela igreja,ou seja oração, jejum , e esmola, e Missas em sufrágio, em vista de encomendar a Deus as almas dos defuntos não são contrárias à doutrina do Apóstolo São Paulo , que diz: ”Todos nós devemos comparecer diante do tribunal de Deus”(Rm. 14,10), para que possamos receber a ”recompensa daquilo que tiver feito durante a sua vida no corpo, tanto o bem, como para o mal”(II Cor. 5,10).
É deste ensinamento da Igreja que vem a prática de oferecer sufrágios pelas almas do purgatório. É uma suplica insistente a Deus, para que tenha misericórdia dos fiéis defuntos, e os purifique com o fogo da Sua caridade e os introduza no Reino da Luz e da Vida.”

O catecismo da Igreja Católica ,1498 diz: Por meio das indulgências, os  fiéis podem obter para si próprios ,e também para as almas do purgatório, a remissão dos penas temporais, conseguência do pecado.
– A indulgência parcial é concedida ao fiel que cumprindo os seus deveres e suportando as adversidades da vida, eleva com humildade e confiança a sua alma para Deus e junta mentalmente uma piedosa invocação.
– A indulgência também é concedida ao fiel que , com fé e misericórdia se coloca ou os seus bens ao serviço dos irmãos que têm necessidade de ajuda.
– A indulgência é concedida ao fiel que, num espírito de penitência e de sacrifício, se priva espontaneamente de uma coisa legítima .

– Pode se ganhar indulgência plenária nas seguintes ocasiões:
– Adoração do Santíssimo Sacramento, durante pelo menos meia hora;
– Recitação do Rosário marial na Igreja, na família ou Comunidade;
-Participação da Via Sacra;
-Leitura da Sagrada Escritura durante ao menos meia hora;
-Visita de uma Igreja no dia 1 de Novembro do meio-dia ao dia 2 de Novembro à meia- noite, pela intenção dos defuntos;
– Visita a um cemitério entre o dia 1 e 8 de Novembro, rezando pela intenção dos defuntos. Pode ganhar-se uma indulgência plenária em cada um destes oito dias ;
-Renovação das promessas do Baptismo, durante uma vigília pascal;
-Adoração da Cruz, durante a cerimónia solene de Sexta-feira Santa.
-Bênção do Papa, mesmo recebida pela rádio ou televisão.
-No momento da morte, a Igreja mostra-se particularmente caritativa para conceder a indulgência plenária.
Pode ser dada por um padre, ritualmente, ou ganha pelo moribundo por um beijo na Cruz, mas somente se recitou algumas orações durante a vida.
Se as condições indicadas acima(confissão, comunhão, oração pelo Santo Padre, desapego do pecado) não poderem ser cumpridas inteiramente, a indulgência é parcial. Mas não há necessidade de se confessar no próprio dia. Se nos habituarmos a confessar regularmente, podemos ganhar muitas indulgências parciais, pela recitação das orações da Igreja como:
– A Vós, Bem- aventurado José
– O Anjo do Senhor (Angelus Domini)
– Alma de Cristo, Santificai-me
– Acto de comunhão espiritual
– Profissão de fé(Credo)
– Oficio dos defuntos
– Salmo 129 ( De Profundis)
– Ladainha do Santíssimo Nome de Jesus
– Ladainha do Sagrado Coração de Jesus
– Ladainha do Preciosíssimo Sangue de Jesus
– Ladainhas da Bem-aventurada Virgem Maria
– Ladainhas de São José
– Ladainhas dos Santos
– Magnificat, Lembrai-Vos ó Virgem Maria
– Salmo 50 ( Miserere)
– Orações pelas vocações Sacerdotais ou religiosas
– Orações pela unidade dos Cristãos
– O repouso eterno
– Salve Rainha
– Sinal da Cruz(bem feito com piedade)
– Tantum Ergo (Adoremos, veneremos)
– Te Deum (hino de acção de graças). Esta indulgência é plenária se se recita publicamente no último dia do ano.
– Vem, Espírito Santo(Veni Creator). Aqui  a indulgência torna-se plenária se for recitada publicamente no último dia do ano e durante a solenidade do Pentecostes
As indulgências parciais são obtidas por todo o acto concreto de fé, esperança e caridade no meio das provas que a vida coloca ou os acontecimentos e nos diferentes deveres , nos actos de caridade ao próximo, nas práticas de jejum ou abstinências feitas voluntáriamente; mas também todas orações, jaculatórias ou pensamentos espontâneos dirigidos a Deus, à Virgem Maria, à Sagrada Família.Portanto esta lista está incompleta.

As almas do Purgatório são gratíssimas aos seus benfeitores; rezam com ardor e zêlo por aqueles que os auxiliam com sufrágios, e quando chegam ao Céu, prostrados diante de Deus, imploram incessantemente graças e favores para os seus amigos da Terra.

Almas-do-purgatório2
ORAÇÕES PELAS ALMAS DO PURGATÓRIO:

Ó meu Deus, pelas Vossas Santas Chagas, abertas ainda hoje pela Salvação das almas, por esta Espada que se introduz no Coração Doloroso e Imaculado de Maria, de joelhos, diante da Vossa Santa Cruz, de Amor, nós Vos pedimos com todo o nosso coração, que salveis todas as almas que sofrem ainda no Santo Purgatório.
Senhor! Curai-as, abençoai-as, a fim de que elas renasçam pelo Vosso Perdão, a fim de saborearem para sempre a suavidade do Vosso Amor Infinito, nas Alegrias Eternas do Vosso Santo Reino Glorioso. Ámen.

Oração de Santa Gertrudes
Eterno Pai, ofereço-Vos o Preciosíssimo Sangue de Vosso Divino Filho, em união com todas as Missas que hoje são celebradas em todo o mundo; por todas as Santas almas do Purgatório, pelos pecadores de todo os lugares, pelos pecadores de toda a Igreja, pelos da minha casa e pelos meus vizinhos. Ámen.

Oração ao Coração Divino de Jesus
Ó Coração Divino de Jesus, concedei-me a graça de viver sempre segundo a Vossa Vontade, nas horas mais belas, nas mais alegres, nas mais importantes da minha vida, como nos momentos difíceis.
Concedei-me estar sempre pronto para a última hora.
Dai-me a coragem de dar tudo por Vosso amor, até a minha vida, se for necessário.
Ó Jesus, pela Vossa Santa e Dolorosa Paixão, fazei que, à Vossa vinda na hora da minha morte, me encontreis vigiando, como um servo fiel, como um verdadeiro penitente depois de uma boa confissão e tendo recebido os últimos sacramentos
Ó Senhor, não me abandoneis no meu último combate na terra, quando deverei lutar contra Satanás, talvez enfurecido. que a Vossa Santa Mãe, Mãe de Misericórdia, São Miguel e os Anjos me assistam e me protejam contra todas as tentações, no momento em que deverei deixar este mundo. Que eles me consolem e me fortifiquem no meio dos tormentos.
Concedei-me, Senhor, nesta hora, uma fé viva, uma firme confiança, um amor ardente, e uma grande paciência. Fazei que, plenamente consciente, eu me entregue em Vossas mãos e me abandone, como uma criancinha, na Vossa Santa Paz.
Na Vossa infinita bondade, na Vossa grande Misericórdia, ó Jesus, lembrai-Vos de mim! Ámen.

Oração a Nossa Senhora do Carmo 

Ó Santíssima e Imaculada Virgem Maria, ornamento e glória do Monte Carmelo, Vós que velais tão particularmente sobre os que trazem vosso sagrado hábito, velai também, bondosa, sobre mim, e cobri-me com o manto de Vossa maternal protecção. Fortalecei minha fraqueza com Vosso poder, e dissipai com Vossa luz, as trevas do meu coração
Aumentai em mim a Fé, a Esperança e a Caridade. Ornai minha alma com todas as virtudes, a fim de que ela se torne sempre mais amada de Vosso Divino Filho. Assisti-me durante a vida, consolai-me com Vossa amável presença na hora da morte, e apresentai-me à Santíssima Trindade, como vosso filho(a) e fiel servo(a), para que eu possa louvar-Vos eternamente no Céu . Assim seja.

O Pai Nosso de Santa Matilde pelas almas do Purgatório:

Pai Nosso que estais no Céu,
Nós vos pedimos humildemente: Pai Eterno, Benevolente e Misericordioso, que perdoeis à almas do Purgatório, por não Vos terem amado nem prestado toda a honra que Vos é devida, a Vós, Seu Senhor e Pai, que por pura graça as adoptastes como Vossos filhos.
Pelo contrário, por causa dos pecados, fecharam os seus corações onde Vós queríeis habitar para sempre.

Em reparação destas faltas, ofereço-Vos o amor, a veneração que o Vosso Filho Incarnado Vos testemunhou ao longo da Sua vida terrestre e ofereço-Vos todos os actos de penitência e de reparação que Ele cumpriu e pelos quais apagou e expiou os pecados dos homens.
Santificado seja o Vosso Nome
Peço-Vos humildemente, Pai Eterno, Benevolente e Misericordioso, perdoai às almas do Purgatório, por não terem honrado dignamente o Vosso Santo Nome: elas pronunciaram-No muitas vezes distraidamente e tornaram-se indignas do nome de cristãos pela sua vida de pecado.

Em reparação das faltas que cometeram, ofereço-Vos toda a honra que o Vosso Filho Bem-Amado rendeu ao Vosso Nome, por palavras e actos ao longo de toda a Sua vida terrestre.

Venha a nós o Vosso Reino
Peço-Vos humildemente, Pai Eterno, Benevolente e Misericordioso, perdoai às almas do Purgatório porque não procuraram nem desejaram o Vosso Reino, com intenso fervor e empenho, este Reino que é o único lugar onde reina o verdadeiro repouso e a paz eterna.

Em reparação pela indiferença em fazer o bem, ofereço-Vos o desejo do Vosso Divino Filho através do qual Ele quis ardentemente torná-las, a elas também, herdeiras do Seu Reino.

Seja feita a Vossa vontade assim na terra como no Céu
Peço-Vos humildemente, Pai Eterno, Benevolente e Misericordioso, perdoai às almas do Purgatório por não se terem sempre submetido com devoção à Vossa Vontade. Elas não procuraram cumprir a Vossa Vontade em todas as coisas e muitas vezes cederam e agiram fazendo unicamente a sua própria vontade.

Em reparação da sua desobediência, ofereço-Vos a perfeita conformidade do Coração cheio de amor do Vosso Filho à Vossa Santa Vontade e a submissão total que Ele Vos testemunhou obedecendo-Vos até à Sua Morte na Cruz.

O Pão Nosso de cada dia nos dai hoje
Peço-Vos humildemente, Pai Eterno, Benevolente e Misericordioso, perdoai às almas do Purgatório, por não terem recebido sempre o Santo Sacramento da Eucaristia com intenso desejo. Receberam-No muitas vezes sem recolhimento, sem amor, ou indignamente ou mesmo negligenciando recebê-Lo.

Em reparação de todas estas faltas que cometeram, ofereço-Vos a plena santidade e o grande recolhimento de Nosso Senhor Jesus Cristo Vosso Filho, bem como o ardente amor através dos quais nos ofereceu este dom incomparável.

Perdoai-nos as nossas ofensas assim como nós perdoamos a quem nos têm ofendido
Peço-Vos humildemente, Pai Eterno, Benevolente e Misericordioso, perdoai às almas do Purgatório todas as faltas de que se tornaram culpadas sucumbindo aos sete pecados capitais e também quando não quiseram amar, nem perdoar, aos seus inimigos.

Em reparação de todos estes pecados, ofereço-Vos a oração cheia de amor que Vosso Filho Vos dirigiu em favor dos seus Inimigos quando estava na Cruz.

E não nos deixeis cair em tentação
Peço-Vos humildemente, Pai Eterno, Benevolente e Misericordioso, perdoai às almas do Purgatório, porque muitas vezes não resistiram às tentações e paixões, mas seguiram o Inimigo de todo o bem e abandonaram-se às fraquezas da carne.
Em reparação de todos estes pecados em múltiplas formas, dos quais se reconhecem culpadas, ofereço-Vos a gloriosa Vitória que Nosso Senhor Jesus Cristo trouxe ao mundo assim como a sua Vida Santíssima, o Seu trabalho e penas, o Seu sofrimento e a Sua Morte crudelíssima.

Mas livrai-nos do Mal
Peço-Vos humildemente Pai Eterno, Benevolente e Misericordioso, livrai-nos de todos os flagelos, pelos méritos do Vosso Filho Bem-Amado e conduzi-nos, bem como às almas do Purgatório, ao Vosso Reino de Glória eterna que se identifica conVosco.
Assim seja!

Coroa pelas almas do Purgatório

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo.

1- Meu Jesus, pelo abundante suor de sangue que derramastes no jardim de Gethsémani, tende piedade das almas dos meus antepassados mais queridos que sofrem no Purgatório.

Pai Nosso, Avé Maria,
-Que as almas dos fiéis defuntos pela Misericórdia Divina, descansem em paz. Ámen.

2-Meu Jesus, pelas humilhações e troças que sofrestes diante dos tribunais até ser esbofeteado, maltratado pelo povo e banido como um malfeitor, tende piedade das almas dos nossos defuntos que no Purgatório esperam para serem glorificados no Nosso Reino.

Pai Nosso , Avé Maria.
-Que as almas dos  fiéis defuntos pela Misericórdia Divina descansem em paz. Ámen

3- Meu Jesus, por esta coroa de agudos espinhos que trespassaram a Vossa Santa Face, tende piedade da alma mais abandonada e sem socorro, e daquela que está mais longe de ser liberta do Purgatório.

Pai Nosso,Avé Maria,
-Que as almas dos fiéis defuntos pela Misericórdia Divina descansem em paz. Ámen.

4- Meu Jesus, pelos dolorosos passos que destes com a cruz sobre os ombros, tende piedade da alma que está mais próxima de ser libertada do Purgatório, e pelas dores que sofrestes com Vossa Santa Mãe no encontro no caminho do Calvário, livrai das penas do Purgatório as almas que foram fiéis a esta Mãe bem amada.

Pai Nosso, Avé Maria,
-Que as almas dos fiéis defuntos pela Misericórdia Divina descansem em paz. Ámen.

5- Meu Jesus, pelo Vosso Santíssimo Corpo estendido sobre a Cruz, pelos Vossos Pés e Mãos trespassados pelos cravos, pela morte cruel e pelo Vosso Santíssimo Lado aberto pela lança, tende piedade das almas sofredoras e aceitai-as na Vossa doce companhia no Paraíso.

Pai Nosso, Avé Maria ,
-Que as almas dos fiéis defuntos pela Misericórdia Divina descansem em paz. Ámen.

 

 

Monte Carmelo

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s