Fátima e os Primeiros Sábados

Sem TítuloNo dia 10 de Dezembro de 1925, em Pontevedra, Espanha , Nossa Senhora apareceu a Irmã Lúcia pedindo a devoção dos primeiros Sábado como reparação ao seu Imaculado Coração, disse então:
”Olha minha filha, o meu coração cercado de espinhos que os homens ingratos a todos os momentos me cravam com blasfémias e ingratidões. Tu, ao menos, procura consolar-me e diz que prometo assistir na hora da morte, com todas as graças necessárias para a salvação, a todos os que, no primeiro Sábado de cinco meses seguidos, se confessarem, receberem a Sagrada Comunhão, rezarem um terço e me fizerem companhia durante quinze minutos, meditando nos 15 mistérios do Rosário com o fim de me desagravar”.

Nossa Senhora mostrou o seu Coração rodeado de espinhos, que significa os nossos pecados. Pediu que fizéssemos actos de desagravo para lhos tirar, com a devoção reparadora dos cinco primeiros Sábados. Em recompensa, promete-nos ” todas as graças necessárias para a salvação”.
A vivência das verdades eternas da salvação diminuiu tanto no coração e no olhar da humanidade que esta se arrisca a perder as suas próprias raízes e salvação.
Por isso o Amor de Deus, para despertar o interior adormecido dos homens, quis apresentar-lhes o conteúdo eterno da Mensagem de Fátima, cujo núcleo é a exigência de reparação. Tanto o Anjo, como posteriormente Nossa Senhora ainda com maior insistência, apelaram à reparação. Deus coloca a salvação das almas de modo muito especial nas mãos de Sua Santíssima Mãe.

Sem TítuloIrmã Lúcia descreve assim : ”Dia 10-12-1925, apareceu-lhe a SS Virgem e ao lado, suspenso em uma nuvem luminosa, um menino. A SS. Virgem, pondo-lhe no ombro a mão e mostrando, ao mesmo tempo, um coração que tinha na outra mão, cercado de espinhos. Ao mesmo tempo, disse o Menino: –” Tem pena do Coração de tua SS. Mãe que está coberto de espinhos que os homens ingratos a todos os momentos Lhe cravam sem haver quem faça um acto de reparação para tirar. E em seguida a SS. Virgem disse: Olha minha filha, o Meu Coração cercado de espinhos…..”

Neste texto encontram-se todas as condições necessárias para corresponder ao apelo dos Cinco Primeiros Sábados do mês, em reparação das injúrias contra o Coração de Maria. Quem tiver dificuldade em se confessar no primeiro Sábado pode fazer a sua confissão noutro dia, desde que receba a comunhão em estado de graça e tenha sempre a intenção de reparar o Coração Imaculado de Maria.

Jesus, nos dois anos seguintes, 15 de Fevereiro de 1926 e 17 de Dezembro de 1927, insiste para que se propague esta devoção. Lúcia escreveu: ”Da prática da devoção dos primeiros Sábados, unida à  consagração ao Imaculado Coração de Maria, depende a guerra ou a Paz no Mundo”.

Cinco, Por que?
São cinco os primeiros Sábados por, segundo revelou Jesus, serem ”cinco as espécies de ofensas e blasfémias proferidas contra o Imaculado Coração de Maria:
1- As blasfémias contra a Imaculada Conceição;
2– Contra a Sua Virgindade;
3– Contra a Maternidade Divina, recusando ao mesmo tempo recebê-la como Mãe dos homens;
4– Os que procuram infundir nos corações das crianças a indiferença o desprezo e até o ódio contra esta Imaculada Mãe;
5- Os que A ultrajem directamente nas suas imagens”.

Condições:

As condições para ganhar o privilégio dos primeiros Sábados são quatro:
1- CONFISSÃO: Para cada primeiro sábado é precisa uma confissão com intenção reparadora. Pode fazer em qualquer dia, antes ou depois do primeiro sábado, contanto que se receba a Comunhão em estado de graça.
As outras três condições devem cumprir-se no próprio primeiro Sábado, a não ser que algum sacerdote, por justos motivos, conceda que se possam fazer no domingo a seguir.
2-
A Comunhão Reparadora.
3-O Teço.
4– A meditação, durante 15 minutos, de um só mistério, de vários ou de todos. Também vale uma meditação ou explicação de 3 minutos antes de cada um dos 5 mistérios do terço que se está a rezar.
Em todas as quatro práticas deve-se ter a intenção de Desagravar o Coração Imaculado de Maria
A devoção dos 5 Primeiros Sábados foi aprovada pelo Bispo de Leria a 13-9-1939, em Fátima.

Acto de Consagração e Desagravo

Virgem Santíssima e Mãe nossa querida, ao mostrardes o vosso Coração cercado de espinhos, símbolo das blasfémias e ingratidões com que os homens ingratos pagam as finezas do vosso amor, pedistes que Vos consolássemos e desagravasse-mos.
Ao ouvir as vossas amargas queixas, desejamos desagravar o vosso doloroso e Imaculado Coração que a maldade dos homens fere com os duros espinhos sos seus pecados.
Dum modo especial vos queremos desagravar das injúrias sacrilegamente proferidas contra a vossa Conceição Imaculada e Santa Virgindade. Muitos, Senhora, negam que sejais Mãe de Deus e nem Vos querem aceitar como terna Mãe dos homens. Outros, não vos podendo ultrajar directamente, descarregam nas Vossas sagradas imagens a sua cólera satânica. Nem faltam também aqueles que procuram infundir nos corações das crianças inocentes, indiferença, desprezo e até ódio contra Vós.
Virgem Santíssima, aqui prostrados aos Vossos pés, nós Vos mostramos a pena que sentimos por todas estas ofensas e prometemos reparar com os nossos sacrfícios, comunhões e orações tantas ofensas destes Vossos filhos ingratos.
Reconhecendo que também nós, nem sempre correspondemos às Vossas predilecções, nem Vos honrámos e amámos como Mãe, suplicamos para os nossos pecados misericordioso perdão.
Para todos quantos são Vossos filhos e particularmente para nós, que nos consagramos inteiramente ao Vosso Coração Imaculado, seja-nos ele o refúgio durante a vida e o caminho que nos conduza até Deus. Assim seja.

O oferecimento da adoração reparadora, ensinado pelo Anjo aos Pastorinhos.MEU DEUS, ADORO, ESPERO E AMO-VOS. PEÇO-VOS PERDÃO PARA OS QUE NÃO CRÊEM, NÃO ADORAM, NÃO ESPERAM E NÃO VOS AMAM”.(três vezes)
”SANTÍSSIMA TRINDADE, PADRE, FILHO, ESPÍRITO SANTO, ADORO-VOS PROFUNDAMENTE E OFEREÇO-VOS O PRECIOSÍSSIMO CORPO, SANGUE, ALMA E DIVINDADE DE JESUS CRISTO, PRESENTE EM TODOS OS SACRÁRIOS DA TERRA, EM REPARAÇÃO DOS ULTRAJES, SACRILÉGIOS E INDIFERENÇAS COM QUE ELE MESMO É OFENDIDO. E PELOS MÉRITOS INFINITOS DO SEU SANTÍSSIMO CORAÇÃO E DO CORAÇÃO IMACULADO DE MARIA, PEÇO-VOS A CONVERSÃO DOS POBRES PECADORES”.

Sem TítuloCarta de Irmã Lúcia ao Santo Padre, (2/12/1940)
A visão de Tuy (13 de Julho de 1929)
”…Sobre o altar apareceu uma Cruz de luz que chegava até ao tecto. Em uma luz mais clara, via-se, na parte superior da Cruz uma face de homem com corpo até à cinta, sobre o peito uma pomba de luz e pregado na Cruz o corpo de outro homem. Um pouco abaixo da cinta, suspenso no ar, via-se um cálix e uma Hóstia grande sobre a qual caiam algumas gotas de Sangue que corriam pelas faces do Crucificado e duma ferida do peito. Escorregando pela Hóstia essas gotas caiam dentro do cálix. Sob o braço direito da Cruz estava Nossa Senhora (era Nossa Senhora de Fátima com o Imaculado Coração na mão esquerda, sem espada nem rosas, mas com uma coroa de espinhos e chamas), com o seu Imaculado Coração na mão….  Sob o braço esquerdo, umas letras grandes, como se fossem de água cristalina que corresse para cima do altar, formavam estas palavras: Graça e Misericórdia”.

A presença de Nossa Senhora, a apontar para Cristo Crucificado lembra a conhecida oração do S. Cura d’Ars: Santíssima Virgem, oferecei ao Eterno Pai o corpo ensanguentado do Vosso Divino Filho, pela….( indicar a intenção por que reza.)
Todas as graças que alcancei, alcancei-as com esta oração, dizia o Santo Cura d’Ars.

  …”Por fim o meu Imaculado Coração triunfará”.

 

Oração Jubilar de Consagração para rezar durante o Ano Jubilar:

Em festiva  atitude de louvor e em jubiloso ação de graças, entrego-me à Virgem Maria para como ela, me consagrar ao Senhor da vida, da alegria e da bênção, oferecendo-Lhe quanto sou e tenho pelas mãos da Virgem de Fátima, refúgio e caminho para Deus:

Salve, Mãe do Senhor,
Virgem Maria, Rainha do Rosário de Fátima!
Bendita entre todas as mulheres,
és a imagem da Igreja vestida da luz pascal,
és a honra do nosso povo,
és o triunfo sobre a marca do mal.

Profecia do Amor misericordioso do Pai,
Mestra do Anúncio da Boa-Nova do Filho,
Sinal do Fogo ardente do Espírito Santo,
ensina-nos, neste vale de alegrias e dores,
as verdades eternas que o Pai revela aos pequeninos.

Mostra-nos a força do teu manto protector.
No teu Imaculado Coração,
sê o refúgio dos pecadores
e o caminho que conduz até Deus.

Unido/a aos meus irmãos,
na Fé, na Esperança e no Amor,
a ti me entrego.
Unido/a aos meus irmãos, por ti, a Deus me consagro,
ó Virgem do Rosário de Fátima.

E, enfim, envolvido/a na Luz que das tuas mãos nos vem,
darei glória ao Senhor pelos séculos dos séculos, Ámen.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s